Adoro

Aquelas conversas surreais que surgem do nada, em que as nossas respostas andam à volta do "hum, ok, pois, é isso".
O melhor mesmo, só quando não fazemos ideias de com quem estamos a falar.

Comentários