Into the wild



Já vi este filme no ano passado, na altura não escrevi nada aqui, o que é de admirar, dado que adorei o filme. Hoje ao ouvir a banda sonora, deu-me vontade de falar sobre ele.


Into the wild acompanhama a trajectória de Christopher McCandless (Emile Hirsch) na sua aventura de descoberta pessoal e de procura por uma vida fora da sociedade consumista. O filme começa com os seus pais, Billie (Marcia Gay Harden) e Walt (William Hurt) a acordarem numa noite depois em que ela sonha com o filho desaparecido. De seguida aparece o texto de uma carta escrita por Christopher para o seu amigo Wayne Westerberg (Vince Vaughn), contando de sua chegada a Fairbanks e de como ele se estava a preparar algum tempo longe da civilização, indo para o Alaska. A partir do momento em que ele encontra um autocarro abandonado no meio das montanhas, passamos a acompanhar a sua trajectória em retrospectiva, desde a sua formação na universidade e o momento em que resolveu abandonar tudo para viver da maneira que acreditava ser a mais correta.

Há quem considere a atitude do rapaz um tanto estúpida e infantil, mas,  a viver no meio de tanta mentira, consigo perceber esta busca por uma vida mais verdadeira e menos material.

Na minha opinião, este filme tem uma excelente fotografia, banda sonora, mensagem. 

Abaixo, deixo a banda sonora do filme (que entretanto acabei por comprar).



Comentários

Enviar um comentário